Cores em silêncio
13

.

01

.

2018

|

03

.

03

.

2018

A propósito da exposição individual “Cores em Silêncio”, da artista Joana da Conceição, escreve Margarida Mendes, crítica e curadora de arte:
“As pinturas de Joana da Conceição surgem-nos como diagramas visuais que, na sua preponderante aceleração, incitam estados de inquietude cinética. Pondo em prova o ponto focal e capacidade sincrética da nossa visão, as suas pinturas dissecam o real, representando o mundo através da refração meticulosa da matéria física. Com uma plasticidade rítmica que se inscreve ao nível do molecular, as suas composições aproximam-se mais da realidade nuclear e dos seus processos do que de uma pictorialidade abstracta.”

FOLHA DE SALA

fechar

anterior

Seguinte

© Dinis Santos

Cores em Silêncio. Lehmann + Silva, Porto, 2018.